[Grécia] Despejo de três okupas pelas forças repressivas em Tessalônica

grecia-tessalonica-despejo-de-tres-okupas-pelas-1

No dia 27 de julho de 2016 a Polícia grega realizou três despejos de okupas na cidade de Tessalônica. Concretamente foram despejadas as okupas Orfanotrofío, Hurriya e a okupa da rua Nike. Esta última, há muito tempo, é um espaço ocupado para refugiados. Orfanotrófio é uma velha okupa já despejada pela Polícia e que fora reocupada ano passado, com o fito de dar abrigo a imigrantes e refugiados de uma maneira autogerida. A okupa Hurriya foi realizada faz apenas poucos dias no centro da cidade e com o mesmo propósito.

Na operação policial se realizaram cerca de 70 detenções e umas 30 retenções preventivas. Os imigrantes, refugiados e nativos que foram detidos foram transladados para a Direção Geral de Polícia de Tessalônica. Já os detidos na okupa da rua Nike (e a melhor das outras duas okupas) serão processados hoje, quinta-feira, 28 de julho, com o procedimen to para delitos flagrantes.

A propósito, a okupa Orfanotrofio foi demolida logo depois de seu despejo. Sob os escombros foram enterrados centenas de medicamentos, alimentos, roupas e artigos de primeira necessidade, destinados para as famílias dos refugiados abrigados na okupa.

Os despejos e as detenções foram antecedidos por demandas apresentadas pela Universidade de Tessalônica, a Igreja e um particular, proprietários jurídicos das três okupas despejadas. Este pogrom vem alguns dias depois de findarem os eventos do No Border Camp, celebrados em vários edifícios ocupados na cidade universitária de Tessalônica. Durante os nove dias que duraram o No Border Camp os meios de desinformação locais e nacionais se dedicaram a uma orgia desinformativa, abrindo o caminho para a repressão.

O Syriza, maior partido da coalizão governamental, lançou um comunicado no qual criticava a ação repressiva da Polícia. Se não se trata de mais um ato dissimulado e uma mostra descarada de hipocrisia, o governo reconhece indiretamente que não controla a Polícia e os aparatos repressivos do Estado. Umas horas depois dos despejos se ocuparam os escritórios de tal partido no centro de Tessalônica e na cidade de Larisa. Concentrações contra a repressão e os despejos ocorreram em Tessalônica e Berea.

Fonte: 

Advertisements

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair / Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair / Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair / Cambiar )

Google+ photo

Estás a comentar desde a túa conta de Google+. Sair / Cambiar )

Conectando a %s

%d bloggers like this: