[Madrid] Crônica da concentração em frente da prisão de Soto del Real, onde está presa a companheira detida em 13A

espanha-cronica-da-concentracao-em-frente-da-pri-1

No passado fim de semana um grupo de companheiras se deslocaram até a prisão madrilenha de Soto del Real para romper o isolamento que querem impor a anarquista presa no último 13 de abril [13A], e mostrar a instituição prisional que nem ela nem qualquer lutadora presa está sozinha ante o Estado. O protesto, apesar de pouco numeroso, foi um êxito, porque a companheira confirmou que conseguiu ouvir a voz e o barulho das concentradas, quebrando por um momento o silêncio que querem à sua volta. A seguir uma breve crônica da concentração:

Neste sábado, 25 de junho, cerca de trinta pessoas se concentraram em frente da prisão de Soto del Real (Madrid) para demonstrar repúdio à prisão e a extradição da companheira detida em 13 de abril passado, acusada de expropriar um banco na Alemanha.

Foram ecoados gritos em solidariedade com as presas e contra os centros penitenciários, também foi lido um texto em solidariedade com a companheira, e outro em que se explicava a situação das mulheres encarceradas. Ao mesmo tempo, aconteceu um ato de pirotecnia para transpassar os muros com ruído, encurtando assim a distância imposta entre as de dentro e as de fora.

Durante a concentração, apareceram alguns agentes da Guarda Civil que pediram a identificação das solidárias concentradas, mas elas se recusaram. Apesar disso, um golpe no final do ato, os agentes da autoridade pararam todos os carros que se dirigiam para a saída, registrando-os e forçando as identificações.

Recordamos que nesta quinta-feira 30 de junho, a companheira será definitivamente extraditada e colocada à disposição das autoridades alemãs. Tudo isso, depois de receber numerosos abusos por parte da direção da prisão de Soto del Real, como a negação da possibilidade de manter uma comunicação vis-a-vis com a sua companheira no dia do seu casamento ou da proibição de comunicação com ela e outras pessoas, por telefone.

Estendamos os gestos solidários e rebeldes.

ABAIXO OS MUROS DAS PRISÕES!

MUROS E GUARDIÕES, NÃO CALARÃO NOSSA PAIXÃO PELA LIBERDADE!

Fonte: https://solidaritatrebel.noblogs.org/post/2016/06/28/cronica-de-la-concentracio-a-la-preso-de-soto-del-real-on-es-troba-empresonada-la-companya-detinguda-el-13a/

Tradução: 

Advertisements

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair / Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair / Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair / Cambiar )

Google+ photo

Estás a comentar desde a túa conta de Google+. Sair / Cambiar )

Conectando a %s

%d bloggers like this: