A Audiência Nacional ordena a extradição da companheira detida no 13-A! Convocação de manifestação

espanha-a-audiencia-nacional-ordena-a-extradicao-1

A tristemente famosa juíza, porém reacionária, Angela Murillo, ordenou a extradição da companheira detida no passado 13 de Abril para a Alemanha, acusada de haver participado na expropriação de uma entidade bancária na cidade de Aachen. A extradição poderá acontecer a qualquer momento, dentro dos próximos 10 dias.

Como já se sabe, a companheira foi detida em abril passado durante uma macro-operação policial durante a qual se vai registrar e saquear o centro social dos Blokes Fantasma e dos domicílios particulares mais, seguindo uma comissão rogatória internacional emitida desde a Alemanha. A polícia da cidade de Aachen culpa a companheira de autoria material de um assalto ocorrido há dois anos a uma entidade bancária vinculada a igreja católica, de onde foi extraída uma importante soma de dinheiro em metais sem produzir danos pessoais. A polícia investiga esta ação concreta dentro de uma suposta série de expropriações similares ocorridas no último ano nesta cidade. Investigação dentro da qual também foi detida uma companheira anarquista holandesa da cidade de Amsterdam [Holanda], que atualmente se encontra à espera de julgamento depois de ter passado vários meses em prisão preventiva.

Apesar da divulgação de uma convocatória gritando à manifestar-nos no dia seguinte de notificar-se a extradição da companheira, mas devido a luta incansável pela recuperação do Banco Expropriado [okupação desalojada em 23 de maio de 2016], foi decidido protelar a mobilização para a semana seguinte, na quarta-feira, 1º de junho, às 20h, na Praça Del Diamant. Nestes dias de luta, de resistência, e de dignidade diante da brutalidade policial que está defendendo os interesses dos especuladores, tentando usurpar este espaço construído pelo bairro, sentimos a colega encarcerada mais perto que nunca. Sabemos que ela seria uma mais de tantas, defendendo o Banco Expropriado por todos as ruas de Gràcia, onde ela mesma há vivido durante anos.

Não sabemos se a colega é responsável ou não do assalto em que é acusada, o que sim sabemos é que a expropriação ao capital dos bancos, seja em forma de dinheiro ou imóveis, sempre será eticamente justo e politicamente legítimo. É por isso que desde aqui fazemos um apelo a toda à gente lutadora e solidária de Barcelona e de todos os lados, porque na próxima quarta-feira sairemos (um golpe a mais) às ruas para demonstrar que, por muito longe que esteja, não nos importa, a nossa colega nunca estará sozinha.

Solidariedade rebelde e internacionalista com as duas colegas acusadas de expropriar bancos na Alemanha!

A Luta é o único caminho!

MANIFESTAÇÃO DE RESPOSTA A EXTRADIÇÃO!!!

Quarta-feira, 1º de junho

20h, na Praça Del Diamant (L3 FONTANA)

Informa Agência de Notícias Anarquistas-ANA

Advertisements

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair / Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair / Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair / Cambiar )

Google+ photo

Estás a comentar desde a túa conta de Google+. Sair / Cambiar )

Conectando a %s

%d bloggers like this: